Drogas

As drogas são definidas como toda substância, natural ou não, que modifica as funções normais de um organismo.

As drogas, como cocaína, crack e ecstasy, podem afetar o funcionamento do coração, fígado, pulmões e até mesmo o cérebro, sendo muito prejudicial à saúde. Além disso o consumo de uma dose excessiva pode levar à morte devido à overdose que pode causar parada cardíaca e respiratória.

A Organização Mundial de Saúde (OMS), define como dependência de substâncias, um conjunto de reações fisiológicas, cognitivas e comportamentais, desencadeadas após a repetição do consumo de uma substância psicoativa, por norma, relacionadas, por um lado, com um desejo e uma vontade forte de consumir a substância e, por outro lado, uma enorme dificuldade em evitar esse consumo, apesar de conhecer as consequências do mesmo.

Apesar da gravidade deste tipo problemas, existe solução para a sua resolução, mas não em estratégias mágicas e rápidas. Isto porque o individuo não ficou dependente/adito ao álcool ou drogas em duas semanas, também não se recuperará em duas semanas. É um processo que vai demorar muito tempo, meses, às vezes anos ou até a vida inteira em recuperação.

Muitos são os caminhos para a recuperação. O Modelo Minnesota é um método terapêutico que tem anos de experiência, tradição e resultados.